Consulta
Aberta
Consulta aberta entre 2023-01-06 e 2023-02-16
Ver documentos
Consulta
em Análise
Consulta
Encerrada

A pedreira de areia “Pinhal do Catelas” insere-se em quatro prédios rústicos. A área proposta para a pedreira integra-se na área de reserva (Decreto Regulamentar n.º 1/2007, de 9 de janeiro) para a exploração de areia, definida no concelho do Seixal, e cifra-se em aproximadamente 74,5 ha (744 570 m2).

A pedreira terá como anexo mineiro uma unidade industrial de lavagem e classificação de areia, onde serão produzidas areias lavadas, com uma capacidade de produção superior a 200 000 t/ano.

Para o Plano de Pedreira foram definidos os seguintes objetivos principais:

  • Racionalizar o aproveitamento e a exploração do recurso mineral, minimizando potenciais impactes ambientais ;
  • Reconverter paisagisticamente o espaço afetado pela pedreira, 
  • Minimizar os impactes ambientais induzidos pelo projeto, através da adoção de medidas preventivas e corretivas.

O acesso ao local faz-se pela da estrada que liga a Quinta da Queimada ao Aterro Intermunicipal do Seixal (AMARSUL). As povoações mais próximas da área da pedreira são Valadares, a Noroeste e Pinhal Verde. Das povoações existentes destaca-se a Marisol, Aroeira, Verdizela e Belverde.

A área proposta para a pedreira não se encontra classificada no âmbito da conservação da natureza.

Participar
Dados Gerais
Designação completa
Pedreira "Pinhal do Catelas"

Período de consulta
2023-01-06 a 2023-02-16

Estado
Aberta

Área temática
Recursos Geológicos

Tipologia
Avaliação de Impacte Ambiental

Sub-Tipologia
Procedimento de Avaliação

Entidade promotora da CP
CCDR Lisboa e Vale do Tejo

Entidade promotora do projeto
Chambicor - Construção Civil e Investimentos Imobiliários, Lda.

Entidade coordenadora
CCDR Lisboa e Vale do Tejo

Formas de participação
Comentários
Localização
Setúbal
Seixal
Corroios
Documentos de encerramento da consulta
Não existem documentos disponíveis.
Este website utiliza cookies de acordo com a política em vigor. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa política de privacidade.
Aceitar